PUBLICIDADE
HomeNotíciasNovidades
Compartilhar

Chevrolet Cobalt sai de linha na Argentina

Sedã perdeu espaço para o Onix Plus e vendeu apenas 17 unidades em 2020

Se no Brasil o Cobalt segue como uma opção voltada às vendas diretas, o mesmo não acontecerá na Argentina. A Chevrolet encerrou as vendas do sedã na Argentina. Sendo assim, apenas Brasil e Paraguai continuam recebendo o modelo. 

A explicação para retirada do modelo é bem simples: não vende. Em 2019, acompanhando a forte crise do mercado argentino, o Cobalt emplacou somente 655 unidades, enquanto entre janeiro e fevereiro desse ano foram apenas 17 vendas. Esse movimento também está acontecendo no Brasil, onde apenas 282 unidades foram empacadas em janeiro e, até o momento, 76 em fevereiro. 

Intermediário entre Prisma e Cruze, o Cobalt nunca foi um sucesso por aqui. Apesar do bom espaço interno e do enorme porta-malas, o motor 1.4 de 106 cv e 13,9 kgfm era pouco para o sedã, além de um visual pra lá de controverso. O visual foi resolvido na reestilização de 2015, enquanto a principal motorização passou a ser o 1.8 de 111 cv e 17,7 kgfm, usado atualmente no sedã e na Spin.

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro