PUBLICIDADE
HomeNotíciasNovidades
Compartilhar

Confirmado para o Brasil, Audi e-tron GT é revelado oficialmente

Sedã elétrico terá duas versões com potência de até 646 cv e autonomia de 488 km

A Audi finalmente revelou o e-tron GT, seu primeiro sedã totalmente elétrico. Ele chega ao mercado em duas versões, com diferenças na potência dos motores. Aliás, o modelo já está confirmado para o Brasil, onde enfrentará o Porsche Taycan.

Visualmente, o e-tron GT de produção se difere do protótipo tantas vezes alardeado na dianteira, onde o para-choque e a região que abrigaria a grade ganharam desenhos diferentes do previsto anteriormente. A traseira é basicamente a mesma do conceito.

O interior lembra bastante o de outros modelos da Audi, sendo uma opção mais sóbria em relação ao Porsche Taycan. A única tela sensível ao toque é a central multimídia. O painel de instrumentos também é digital.

O e-tron GT tem 4,96 m de comprimento, 1,96 m de largura, 1,38 m de altura e com 2,90 m de entre-eixos. Ao utilizar a plataforma do Taycan, o Audi também se beneficiou do sistema de 800V, o dobro do convencional, permitindo que ele seja recarregado em muito menos tempo do que os demais.

A primeira configuração é a e-tron GT quattro, equipada com dois motores para chegar aos 476 cv, garantindo que o sedã faça de 0 a 100 km/h em 4,1 segundos. A versão mais cara é a RS e-tron GT com 598 cv, mas pode chegar aos 646 cv com o controle de largada acionado. Neste caso, a aceleração até os 100 km/h é feita em 3,3 segundos. Ambos podem rodar até 488 km com uma única carga.

Na Alemanha, os preços variam entre 99.800 e 138.200 euros. Em conversão direta, o novo modelo R$ 650 mil e R$ 905 mil.

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro