PUBLICIDADE
HomeNotíciasNovidades
Compartilhar

Crashgate? - Euro NCAP investiga carros com peças marcadas "só para Euro NCAP"

Possível maracutaia foi descoberta pela Thatcham Research e pelo Euro NCAP. Se for confirmada, ela mostrará mais uma tentativa de ludibriar testes de segurança

Na imprensa especializada, são famosos os casos de carros preparados especialmente para avaliações. Já houve até "recibo" da preparação, com carros chegando às redações com papéis que diziam que eles eram só para a imprensa. O problema disso é que o carro verdadeiro, o que vai para as concessionárias, é muito diferente e normalmente inferior ao cedido para testes. Foi esse tipo de mentalidade de burlar testes que levou o grupo Volkswagen ao Dieselgate, descoberto graças a pesquisadores da Universidade de West Virginia. Pois parece que há mais mutretas do tipo para aparecer. O pessoal da revista Auto Express descobriu que alguns carros testados pelo programa Euro NCAP, depois de passarem por auditorias, apresentavam peças com etiquetas "só para a Euro NCAP, apenas para crash tests". Diversos fabricantes teriam cedido modelos para os testes com etiquetas deste tipo. A publicação cita que as etiquetas foram achadas em deflagradores de airbag, ganchos ISOFIX e espumas de bancos.

Quem fez as auditorias e encontrou as peças com as etiquetas, escritas à mão, foi a Thatcham Research, especializada em pesquisas de segurança viária. O Euro NCAP confirmou à revista Auto Express que os casos de carros com peças marcadas à mão eram corriqueiros, mas que eles deixaram de aparecer de uns 2 anos para cá, algo que coincide com a intensificação do Dieselgate e de denúncias contra outros fabricantes. Isso teria feito as empresas revisarem seus processos, segundo a reportagem. O Euro NCAP nega que tenha descoberto alguma fraude comprovada aos testes que conduz, inclusive porque entre as auditorias que efetua ela testa novas unidades dos modelos avaliados. O que não quer dizer muita coisa: os carros da Volkswagen foram testados e retestados sob os protocolos de emissões diversas vezes até que alguém percebesse que o software mudava seus parâmetros na vida real para entregar desempenho melhor. E um índice de óxidos de nitrogênio muito acima dos permitidos. Haverá maracutaia dos fabricantes nos testes do Euro NCAP? Eis algo que só saberemos no final das investigações.

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro