PUBLICIDADE
HomeNotíciasNovidades
Compartilhar

Dacia revela novos Sandero, Logan e Stepway

Modelos evoluem em visual e devem ganhar mais tecnologias em suas novas gerações

Os Renault Sandero, Logan e Stepway nunca foram reconhecidos pelo design atrativo. Na verdade, suas grandes vantagens são espaço e robustez perante seus concorrentes. Porém, no que depender da Dacia, subsidiária romena responsável pelo desenvolvimento dos modelos, isso mudará com a próxima geração.

A empresa divulgou apenas imagens dos modelos, sem divulgar qualquer informação a respeito de motorização, equipamentos ou dimensões. No entanto, pelas fotos, aparentemente, os três estão maiores, mais largos e mais refinados em termos de construção.

Visualmente, começando pelo novo Sandero, todo o visual é novo. A dianteira conta com novo capô com dois vincos, nova grande, que se conecta melhor aos faróis, que agora possuem a luz diurna de LED em formado de flecha e não mais o “C” que a marca adotava.

A lateral reforça a inspiração no Renault Clio, especialmente no que diz respeito aos para-lamas traseiros, que agora ostentam uma bela curva em formato de ombro. Com isso, a linha cintura também foi elevada. Na traseira, lanternas que não invadem a tampa do porta-malas e lembram bastante a do Volkswagen Polo.

No caso do Sandero Stepway, que ainda não perdeu o primeiro nome na Europa, a marca tentou distanciá-lo ainda mais do hatch convencional. Para isso, o capô tem quatro vincos, enquanto na lateral há a moldura na caixa de roda, bem como um plástico que segue por toda a parte inferior. A dianteira terá apliques de plásticos na porção inferior com tom de alumínio.

Já o sedã Logan é que apresenta o maior salto visual. Apesar da dianteira ser praticamente idêntica, a queda mais suave na traseira trouxe refinamento jamais visto no modelo. Apenas uma foto foi divulgada, mas entre alguns ganhos em tecnologia, como sensores de estacionamento dianteiro e até um radar usado para frangem autônoma de emergência.

Conforme noticiamos no KBB News da última semana, a grande novidade é a troca da plataforma B0, a mesma de Duster e Captur, para a CMF-B, a mesma do Clio europeu, mas com adaptações para ficar mais barata. As motorizações não foram divulgadas, mas há indícios do 1.0 turbo e fala-se até do 1.3 turbo feito em parceria com a Mercedes-Benz e configuração híbrida.

 

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro