PUBLICIDADE
HomeNotíciasDicas
Compartilhar

Guia de compra KBB: Volkswagen Fox

De olho em um Fox usado? Listamos as principais vantagens e desvantagens dele para você

O ano era 2003 quando a Volkswagen lançou o Fox. A ideia do modelo sempre foi fazer a ponte entre Gol e Polo, mas voltado para pequenas famílias que precisavam de certo espaço. Dessas características nasceu o famoso slogan:"compacto pra quem vê, gigante pra quem anda".

Como você pode perceber, o Volkswagen é o assunto do Guia de Compra KBB da semana. Vale ressaltar que já passaram por aqui o Chevrolet Onix, Jeep Renegade e Honda Fit. 

DESEMPENHO

CONFORTO INTERNO

EQUIPAMENTOS E TECNOLOGIA

PRÓS E CONTRAS

QUAL VERSÃO COMPRAR?

DESEMPENHO

Como se trata de um veículo com muito tempo de estrada e na última semana já falamos de unidades mais antigas do Honda Fit, vamos focar nos Fox mais atuais e em suas versões mais potentes e completas. 

Confira o preço KBB de todas as versões do Volkswagen Fox

Logo de cara adiantamos, vale mais a pena procurar unidades 2017/2018, especialmente nas versões Highline e Pepper. Isso graças a diferença de motorização entre os citados e as versões Connect e Xtreme, que ainda são vendidas. Além de equipamentos que falaremos mais adiante.

Os 0 km usam o motor 1.6 de 8V, ou seja, duas válvulas por cilindro, enquanto os seminovos possuem um motor de concepção mais novo, com um cabeço de 16V. Isso reflete na potência, os novos possuem 104 cv e 15,6 kgfm de torque, enquanto os usados entregam 120 cv e 16,8 kgfm de torque, quando abastecidos com etanol. 

Se você andar nos dois, perceberá que o 0 km é um pouco mais esperto na cidade, isso graças a entrega de torque a partir de 2.500 rpm, enquanto o antigo chega ao torque máximo em 4.000 rpm. No entanto, na estrada a situação se inverte e os 8V ficam devendo potência. Em termos de economia de combustível, ambos são praticamente iguais.

CONFORTO INTERNO

Assim como o carro de semana passada, o Fox é prática. Há diversos porta-objetos, os vãos das portas comportam muita coisa e até garrafas de água grandes. O porta-malas tem capacidade adequada para a categoria, mas se for viajar em família pode ser um problema. 

O espaço é bom para quatro pessoas, com pouco de aperto dá para levar o quinto elemento, mas o túnel central é muito alto. O destaque é que a suspensão é bem confortável, não transmitindo os impactos da buraqueira para os ocupantes, mas também sem comprometer a estabilidade do hatch.

O acabamento é bem montado, mas é simples. Um ponto que pode desagradar compradores é o nível de ruído. O isolamento acústico não é dos mais elaborados, por isso é sempre possível ouvir o trabalho do motor, da suspensão e os barulhos comuns do trânsito. Além disso, o banco corrediço costuma apresentar barulhos. 

EQUIPAMENTOS E TECNOLOGIA

Como adiantamos lá no começo, as versões seminovas possuem unidades mais equipadas dos que as vendidas nas concessionárias Volkswagen. Por esse motivo, vale a penas buscar as Highline ou Peper. 

O destaque fica especialmente para os equipamentos de segurança. Há controles de tração e estabilidade, auxiliar de partirda em rampa e bloqueio eletrônico do diferencial. Nos novos, apenas ABS e airbags duplos fazem parte. 

O Fox ainda possui central multimídia compatível com Android Auto e Apple CarPlay, câmera de ré e sensores de estacionamento traseiros. Além disso, há o básico: direção elétrica, ar-condicionado e vidros, travas e retrovisores elétricos. 

PRÓS E CONTRAS
Vantagens Desvantagens
Espaço Idade do projeto
Praticidade Itens de segurança 
Economia de combustível  Acabamento simples
Equipamentos Motor defasado (0 km)
Manutenção  
QUAL VERSÃO COMPRAR?

Se você fizer questão de um Fox novo, opte pela versão mais básica, Connect. Custa R$ 5 mil a menos que a topo de linha, constantemente é negociada por valores ainda menores e não conta apenas com câmera de ré e rodas de 16 polegadas presentes na Xtreme. 

Como mencionamos antes, nas Highline ou Pepper, além do motor mais moderno, o consumidor encontra todos os itens das versões atuais, exceto as rodas de 16 polegadas. E leva ainda volante revestido em couro e sensor de estacionamento dianteiro.

Procurando um pouco mais é possível encontrar aqueles que compraram o Highline com todos os opcionais. Isso adiciona teto solar, rodas de 16 polegadas, bancos com revestimento em couro  e os itens de segurança a mais. O preço do mais completo possível segundo nossa ferramenta é de R$ 50.336 em média, mas parte de R$ 48.460. 

 

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro