PUBLICIDADE
HomeNotíciasNovidades
Compartilhar

Mercedes-Benz apresenta sedã elétrico com até 770 km de autonomia

EQS estreia nova arquitetura elétrica e painel de 56 polegadas

A Mercedes-Benz apresentou seu elétrico topo de linha. Trata-se do sedã EQS que chega às lojas com até 770 km de autonomia. Para isso, a marca alemã apostou forte na aerodinâmica.

O coeficiente aerodinâmico, que mede a força da resistência do ar em contato com o carro, foi de apenas 0,20, o que é considerado um recorde. Isso foi possível pelas formas das entradas de ar dianteiras, o design das rodas e as maçanetas retrateis.

Outro destaque é a plataforma Modular Electric Architecture que estreia com este modelo e foi projetada para dar vida aos elétricos mais luxuosos da empresa. Uma das vantagens dessa arquitetura é a compatibilidade com estações de recarga de até 200 kW.

Com isso, são necessários 31 minutos para a bateria passar de 10% para 80%, segundo a Mercedes-Benz. A autonomia máxima, ainda de acordo com a empresa, é de 770 km na configuração 450+. A marca não divulgou o alcance máximo da configuração 580 4Matic, mas com base no consumo médio, a autonomia é estimada em 700 km.

As versões citadas se diferenciam em potência, motorização e tipo de tração. A primeira delas, 450+, tem apenas um motor elétrico na traseira, por isso, conta com tração traseira e potência de 333 cv. A segunda versão, 580 4Matic, tem dois motores, tração nas quatro rodas e 523 cv. O 0 a 100 km/h é feito em 6,2 segundos e 4,3 segundos, respectivamente.

Outra novidade é o sistema MBUX Hyperscreen, que transforma praticamente todo o painel em uma tela só com 56 polegadas, tornando o interior futurista e excluindo diversos botões.

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro