PUBLICIDADE
HomeNotíciasNovidades
Compartilhar

Nio ES6 roda até 510 km e atinge 200 km/h apenas com eletricidade

Novo SUV elétrico da fabricante do EP9 seria o primeiro elétrico com uma combinação de motor de magnetos permanentes e de indução

Já falamos da Nio aqui na KBB algumas vezes. Afinal, uma marca capaz de fazer um carro como o EP9 merece destaque. Recentemente, ele bateu o recorde de velocidade do Festival de Goodwood. A marca, por outro lado, criou também um SUV, o ES8. Tudo com eletricidade, mas de um modo diferente. Para começar, a Nio usa baterias substituíveis, o que torna o valor do carro mais baixo do que o de um elétrico comum. Com seu novo produto, o ES6, outro SUV, mas menorzinho que o ES8, a empresa também adota pela primeira vez em um elétrico de produção a combinação de dois motores. O de magnetos permanentes, comum nos demais elétricos, e o de indução, que entrega mais potência com menos gasto de energia.

O ES6 tem 4,85 m de comprimento, 1,97 m de largura, 1,77 m de altura e 2,90 m de entre-eixos, mesma medida do futuro Audi e-tron GT. O ES8, que leva 7 passageiros, tem 5,02 m de comprimento, 1,96 m de largura, 1,75 m de altura e 3,01 m de entre-eixos. Curiosamente, o ES6 vem com um pacote de baterias mais forte, de 84 kWh, contra o de 70 kWh usado pelo ES8. Com isso, ele consegue uma autonomia de até 510 km, mais do que suficiente para a maioria das viagens diárias das pessoas. O que até eliminaria a necessidade de um sistema de troca de baterias, como o Nio Power. Veja abaixo como funcionam as cabines de troca de baterias, com processo totalmente automatizado e que, segundo a empresa, leva apenas 3 minutos. Menos do que o abastecimento de um carro comum:

O motor de magnetos permanentes vai instalado no eixo dianteiro. Só ele entrega ao veículo 218 cv (160 kW) e 31,1 kgfm, com uma eficiência energética de 97%. No eixo traseiro vai o motor de indução, capaz de girar a até 15.000 rpm. Ele dá ao ES6 mais 326 cv (240 kW) e 42,8 kgfm, o que dá ao SUV um total de 544 cv. Por RMB 448.000, equivalentes a pouco mais de R$ 253 mil. Menos do que a BMW cobra pelo X3 (R$ 276.950). Quem não quiser as baterias ganha um desconto de RMB 100.000 (R$ 56.500). Neste caso, basta alugá-las por RMB 1.660 por mês (R$ 938). Dependendo do tempo que se vá ficar com o SUV, compensa. E dá menos dor de cabeça ao pensar que você pode trocar seu pacote de baterias novinho por um mais sambado no Nio Power.

Na parte de tecnologia, o ES6 vem com uma central multimídia com tela de 11,3 polegadas e, mais do que isso, com o NOMI, um assistente com inteligência artificial que recebe encomendas, troca músicas, guia o motorista e até tira fotos dos ocupantes. Tudo com expressões para interagir melhor com os passageiros. A Nio também promete sistemas de direção autônoma ao SUV.

Nio ES6

Outros dados impressionantes sobre o novo ES6 são sua estrutura de alumínio e fibra de carbono, que tem uma resistência torcional de 44.930 Nm/grau (maior que a do ES8), sua capacidade de acelerar (0 a 100 km/h em 4,7 s), sua capacidade de frenagem (100 km/h a 0 em apenas 33,9 m) e sua velocidade máxima, de 200 km/h. Modelos elétricos costumam ter a máxima limitada para não gastar a carga da bateria de uma vez só. A Nio promete vender o ES6 em junho de 2019 na China, com uma série especial de colecionador, a Premier, limitada a 6.000 unidades.

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro