PUBLICIDADE
HomeNotíciasNovidades
Compartilhar

Quais carros a Ford vai vender no Brasil?

Ka, Ka Sedan e EcoSport saíram de linha e não devem ter sucessores

A Ford iniciou sua jornada como fabricante no Brasil em 1919. Agora, após 102 anos, torna-se apenas importadora, deixando de oferecer Ka, Ka Sedan e EcoSport, únicos ainda fabricados por aqui.

Apesar da péssima notícia, especialmente para os empregados e a economia brasileira, a Ford seguirá no Brasil, agora como importadora. Para isso, promete alguns projetos globais, sempre seguindo a estratégia de focar em picapes, SUV’s e veículos comerciais.

Transit

A van comercial leve voltará à América do Sul com montagem no Uruguai em parceria com a Nordex, do empresário argentino Manuel Antelo. Para viabilizar a produção, foi feito um investimento conjunto de US$ 50 milhões, garantindo 200 empregos diretos e indiretos. A escolha do Uruguai se dá pela baixa obrigatoriedade de conteúdo local.

A expectativa é montar 8 mil unidades por ano. Ainda não há detalhes de motorização, no entanto, na Europa, a Transit é equipada com motor 2.0 turbodiesel com até 185cv.

Picapes

A primeira novidade no segmento é a Ranger Black, uma versão com acabamento escurecidos e pegada urbana para se diferenciar da Storm. A picape média se torna a porta de entrada da Ford, no entanto, o preço da versão XL cabine simples é de R$ 156.290.

Flagrada recentemente, a picape Maverick é mais um modelo que deve desembarcar no Brasil. Ainda não sabemos de onde, podendo ser feita tanto no México, de onde virá o Bronco, como na Argentina. Os motores seriam os mesmos do Bronco Sport.

Por fim, em 2022, a Ranger ganhará uma nova geração. Feita na Argentina graças a um investimento de US$ 580 milhões. A picape é considerada um projeto global e será exportada para outros mercados a partir dos vizinhos.

A F-150 é uma outra possibilidade. Prometida há muito tempo, ainda não está 100% confirmada e, se chegar, deverá ser a partir de 2022.

SUV’s

O primeiro deles é o Bronco Sport, que chegará para peitar o Volkswagen Tiguan R-Line, que é a versão mais vendida do rival. Portanto, espere preços entre R$ 220 mil e R$ 230 mil. Já mostramos que 28 unidades foram emplacadas aqui, dando sinais de que o lançamento será feito em breve.

O motor é sempre 2.0 EcoBoost que garante 245 cv de potência a 5.500 rpm e torque de 38 kgfm a 3.000 rpm. O câmbio é sempre automático de outo marchas com trocas atrás do volante e tração 4x4 com bloqueio eletrônico do diferencial.

Além da versão urbana, o jipão com chassi convencional também será vendido no Brasil. Ele pode ser equipado com motores 2.3 turbo com 270 cv e 42,8 kgfm ou V6 2.7 turbo, de 310 cv e 55,2 kgfm. Edge e Territory seguem em linha.

Mustang

O Mustang ganhará um reforço no Brasil. A configuração Mach 1 chegará ao país no próximo ano. Ele se diferencia do GT por conta dos para-choque exclusivos, grades com espaços alusivos aos faróis de milha e a presença do aerofólio. As rodas também possuem desenhos novos, inspiradas nas clássicas Magnum 500, originais do Mach 1 de 1968.

O modelo deve chegar mais caro que os R$ 354.990 pedidos pela configuração GT, no entanto, também entrega mais potência, uma vez que o V8 5.0 despeja 486 cv e 58 kgfm de torque contra 466 cv e 56,7 kgfm da versão já vendida no Brasil.

Eletrificados

O primeiro eletrificado dessa nova fase da Ford será o Escape híbrido plug-in. Essa versão usa motor 2.5 16V de 165 cv e 21,4 kgfm de torque associado a um propulsor elétrico para chegar aos 200 cv. A autonomia é de 50 km no modo elétrico.

Por fim, em 2022, o Mustang Mach-E, SUV elétrico inspirado no esportivo, será importado do México. No entanto, ainda é cedo para afirmar qual configuração será vendida por aqui.

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro