PUBLICIDADE
HomeNotíciasNovidades
Compartilhar

SSC Tuatara vai além do nome estranho: pode chegar a 480 km/h

Versão de produção do hipercarro foi finalmente apresentada em Pebble Beach, nos EUA

A história de "quem é vivo sempre aparece" vale também para o mundo automotivo. Veja o exemplo do SSC Tuatara, por exemplo. Prometido em outubro de 2010 ao mundo como o carro de produção mais veloz da história, ele foi capa da revista britânica Top Gear e, depois de um tempo, sumiu. Reapareceu em janeiro deste ano, quando a KBB contou a seus leitores o motivo do sumiço: problemas de financiamento. Na época, torcemos para que ele finalmente fosse colocado à venda, algo que aconteceu oficialmente em 22 de agosto, em Pebble Beach, nos EUA. Apenas 100 deles serão fabricados, mas os preços ainda não foram divulgados. Talvez permaneçam os mesmos de 2012, quando o modelo foi oferecido por US$ 1,3 milhão. Uma verdadeira pechincha para um carro que promete chegar aos 480 km/h de velocidade máxima.

 

Como já dissemos em janeiro, o Tuatara foi desenhado por Jason Castriota, pai do Maserati GranTurismo, e tem 4,43 m de comprimento, 1,99 m de largura, 1,09 m de altura, 2,67 m de entre-eixos. Com a versão de produção já definida, seu peso seco caiu de 1.250 kg para 1.247 kg. O coeficiente aerodinâmico é de 0,279, algo nada impressionante, especialmente diante dos 0,22 de cx do Mercedes-Benz Classe A Sedan, mas que talvez se justifique pelo fato de o modelo precisar de muita sustentação negativa para não decolar.

SSC Tuatara - motor

Outro aspecto interessante do carro é que seu motor não será mais um  V8 6.9 biturbo, que teria sido idealizado pela própria SSC, mas sim um V8 5.9 feito pela Nelson Racing Engines. A redução de cilindrada não representou uma queda na potência, pelo contrário. Com a inscrição 1,3 megawatts na tampa de seu cabeçote, o motor entregaria 1.768 cv com o uso de E85, o etanol usado nos EUA, mas a ficha técnica do carro fala em 1.750 hp, que são equivalentes a 1.774 cv. Com gasolina, o V8 biturbo entregaria 1.350 hp, ou 1.369 cv, número que bate com o que informamos em janeiro em mais detalhes: 1.369 cv a 9.200 rpm e 176,9 kgfm a 6.800 rpm. O câmbio será de 7 marchas, como dissemos, mas a SSC a descreve como um manual robotizado pela Automac. A tração será mesmo apenas traseira, o que pode complicar o objetivo de chegar aos 480 km/h. A SSC se diz confiante de conseguir atingir a marca. E deverá tentar atingi-la em breve para satisfazer "tuatara" por recordes de velocidade...

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro