PUBLICIDADE
HomeNotíciasNovidades
Compartilhar

Toyota anuncia seus planos de eletrificação: 5,5 milhões de unidades até 2030

Enquanto o Rota 2030 não sai no Brasil, a Toyota já traçou aonde quer chegar até o final da próxima década

Enquanto o plano Rota 2030 patina nas mãos do governo brasileiro, a Toyota traçou a sua rota para o final da década que vem de olho nos modelos elétricos e eletrificados. Segundo a fabricante, uma das maiores do mundo, sua meta em vendas é ter 5,5 milhões de unidades com algum tipo de eletrificação vendidas até 2030. E eles serão oferecidos em uma enorme variedade. Tanto com híbridos, como o pioneiro Prius, como modelos totalmente elétricos e movidos por pilhas de combustível, como o Mirai.

 

Segundo a Toyota, até 2025 ela não terá mais nenhum modelo sem nenhum tipo de eletrificação em todo o mundo. Isso inclui certamente os modelos brasileiros, como Corolla, Etios e o futuro Yaris. Já há notícias de que a marca teria o primeiro híbrido flex do mundo, feito especialmente para o mercado nacional. Em outras palavras, isso equivale a dizer que ela não desenvolverá mais nada sem a eletrificação em mente. Chega de modelos exclusivamente a combustão. Eles, no mínimo, serão híbridos, como o Prius.

Toyota Prius

Falando em modelos exclusivamente elétricos, a Toyota promete mais de 10 movidos a baterias até 2020. E não só: alguns deles já devem trazer a tecnologia "solid-state", que traz uma série de vantagens sobre as de íons de lítio. Elas serão mais leves, resistentes e muito mais rápidas de recarregar. E não é a primeira vez que a Toyota promete trazê-las ao mercado. Conhecendo o perfil conservador da empresa, de só falar quando tem certeza de que pode entregar, tem coisa muito boa a caminho dos mercados. Outra frente de exploração é no campo de baterias prismáticas, que poupam espaço em relação às cilíndricas usadas atualmente.

Os elétricos por bateria chegarão primeiro à China. Posteriormente, serão vendidos também no Japão, Índia, Europa e EUA. Quanto aos elétricos com pilhas de combustível, haverá mais opções tanto de veículos de passageiros quanto de comerciais. A Toyota promete cuidar também da reciclagem e do reuso das baterias. Tudo no caminho para reduzir as emissões de carbono em até 90% em relação às emissões de 2010, como a COP21, ou cúpula de Paris, estabeleceu como meta.

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro