PUBLICIDADE
HomeNotíciasMercado
Compartilhar

Vendas crescem 3% em outubro com lideranças de Chevrolet Onix e Fiat

Hatch retomou a ponta entre os mais vendidos, enquanto a marca italiana emplacou mais um mês de liderança

As vendas de carros e comerciais leves seguem em lenta recuperação no Brasil. Após um enorme tombo causado pela pandemia de covid-19, o mercado de veículos novos ainda não conseguiu se aproximar dos números de 2019. É o que revela o último balanço da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores – Fenabrave.

Em outubro não foi diferente. Apesar do crescimento 3,25% nas vendas de carros e comerciais leves com relação a setembro deste ano, as vendas foram 14,89% mais baixas que em outubro de 2019. Vale destacar que o crescimento só não foi maior devido a queda dos comerciais leves, que venderam 2,44% menos que em setembro, enquanto os automóveis cresceram 4,58% no mesmo período. No acumulado do ano, a queda já é de 30,89%.

A queda é mais forte entre os automóveis de passeio, que caíram 17,62% comparando com outubro do ano passado, enquanto os comerciais leves mostraram leve crescimento de 0,38% no mesmo período. No acumulado do ano, ambos os segmentos apresentam queda: 32,78% para o primeiro e 20,16% para o segundo.

Demais segmentos

Com exceção das motos, todos os outros segmentos registrados pela Fenabrave mostraram crescimento com relação a setembro, mas apenas um está se saindo melhor que em 2019. Trata-se dos implementos rodoviários, que cresceram 0,70% no acumulado. As vendas foram 22,86% superiores em relação a outubro do ano passado e 5,04% maiores que em setembro deste ano.

Já o segmento de ônibus, apesar do salto de 19,92% nas vendas de outubro com relação a setembro, ainda apresenta a maior queda do mercado no acumulado anual. São 33,76% menos vendas até outubro deste ano no comparativo com o mesmo período de 2019.

Confira o balanço por segmento

Mais vendidos em outubro

Ao contrário do último mês, o Chevrolet Onix manteve a ponta nas vendas de outubro. Foram 12.203 unidades emplacadas contra 10.068 da Fiat Strada. A terceira posição ficou com o Hyundai HB20 graças a 8.903 emplacamentos.

Outro modelo que merece destaque é o Volkswagen Gol, que segue em quinto lugar e vendendo acima de oito mil unidades mensais, sendo o modelo da marca alemã mais negociado, mesmo com todos os recentes lançamentos. Por fim, vale destacar a presença de três SUVs entre os 10 mais vendidos: Chevrolet Tracker e os Jeep Compass e Renegade, todos com mais de seis mil vendas no mês.

Marcas mais vendidas

Há uma importante atualização no acumulado de vendas das marcas. Apesar do último mês ter revelado a Volkswagen como líder, a empresa alemã nunca liderou de fato o mercado na soma do ano. Segundo a Fenabrave, o Denatra registrou de maneira errado o Express como um produto Volkswagen do Brasil, quando na verdade é da Volkswagen Caminhões e Ônibus – Volkswagen-MAN.

Dessa maneira, a Chevrolet segue na dianteira, mas com margem apertada. São 257.125 unidades vendidas pela empresa americana contra 255.673 emplacamentos da fabricante de origem alemã. Quem segue de olho nessa disputa, mas sem grandes chances de tomar a primeira posição é a Fiat.

A empresa italiana liderou o mês de outubro com 38.226 vendas, enquanto a Volkswagen foi a segunda com 34.288 e a Chevrolet terminou na terceira posição com 34.074 unidades emplacadas.

Confira o ranking de marcas mais vendidas

 

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro