PUBLICIDADE
HomeNotíciasNovidades
Compartilhar

Ford revela o novo Mustang Shelby GT500, o mais forte da história

Modelo traz V8 5.2 com compressor mecânico de mais de 700 cv e transmissão automatizada de dupla embreagem

O Salão de Detroit pode andar meio caído, desprestigiado por competir com a CES, mas ele já tem a receita para isso. Em vez de competir com a feira de eletrônicos, ele mudou de data e ficará agora em meados do ano, bem em meio ao verão no hemisfério norte. Em vez de ser o salão do frio, será provavelmente um dos mais quentes do ano. E a Ford resolveu antecipar esse aumento de temperatura mostrando na edição deste ano, a última do inverno, o Mustang Shelby GT500. Que é não apenas o Mustang mais forte da história: é também o Ford mais potente que já existiu.

O segredo para isso está no motor V8 5.2, da família Coyote, mas a Ford não detalha se se trata do Voodoo, que tem virabrequim plano, ou do Aluminator, do tipo "crossplane", que muda a ordem de detonação dos cilindros. O vídeo abaixo mostra bem as diferenças entre eles. 

O mais provável é que se trate do Voodoo, já usado no Mustang GT350, mas isso é mera aposta. Pode ser um V8 de outro nome e com outras soluções. Especialmente porque ele chega a "mais de 700 cv". E a Ford não se alonga nos dados técnicos, provavelmente porque, até o super Mustang ser colocado à venda, por volta de setembro deste ano, ele ainda passará por desenvolvimentos adicionais para fechar seus números de desempenho. A Ford promete que ele irá de 0 a 100 km/h em menos de 4 s e fará o quarto de milha em menos de 11 s. A Car and Driver estima que ele terá cerca de 720 cv e 90 kgfm de torque.

Ford Mustang Shelby GT500 2020

Além de acelerar uma barbaridade, o novo Mustang também fará curvas e freará como gente grande. Para isso ele conta com freios Brembo de 6 pistões na dianteira, que mordem rotores duplos de 420 mm. Os pneus são Michelin Pilot Sport 4S e a suspensão é uma nova versão da MagneRide, magnetoreológica, que ajusta a firmeza dependendo da demanda. Opcionalmente, é possível colocar pneus Michelin Pilot Sport Cup 2 e rodas de fibra de carbono de aro 20.

Ford Mustang Shelby GT500 2020

Por dentro, bancos-concha da Recaro dão o tom de esportividade esperado de um carro deste calibre. O painel é inteiramente digital, com 12 polegadas, e a central SYNC3 de 8 polegadas já é conhecida em outros modelos da marca. Por fim, a transmissão automatizada de dupla embreagem é da TREMEC e traz 7 marchas. Uma decepção para quem esperava que um carro destes viesse com o velho e bom câmbio manual, mas compreensível quando se trata de extrair o máximo de desempenho de um conjunto assim. Com o Mustang oficialmente à venda no Brasil, será que o GT500 tem alguma chance de chegar por essas bandas?

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Hatchback
Sedã
Picape
SUV/Crossover
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro