PUBLICIDADE
HomeNotíciasMercado
Compartilhar

Aliança? CEO da VWBR diz que não há nada previsto para a Amarok

Pablo Di Si declarou a jornais argentinos que destino da Amarok ainda não selado como uma derivada da Ford Ranger

A aliança entre a Ford a Volkswagen foi recentemente anunciada e estabelecida nas picapes médias e nas vans comerciais. Pelo menos neste comecinho. Quando falamos de seu anúncio oficial, lançamos a nossos leitores a pensata: como ficará a Amarok? Será produzida pela Ford lá na Argentina? Continuará do outro lado da cerca em Pacheco, onde a VW é vizinha da Ford? Parece que nem mesmo o presidente e CEO da Volkswagen na América do Sul e Brasil, Pablo Di Si, sabe a resposta. Em entrevista ao Clarín e ao Ámbito Financiero, como relata o Argentina Autoblog, o executivo negou de pés juntos que já existam planos para a picape média.

O comunicado de imprensa mundial, emitido pela Ford e pela Volkswagen com o mesmíssimo teor, dava conta de que "a Ford vai projetar e construir picapes médias para ambas as empresas, que devem chegar ao mercado já em 2022". Ele pode ser lido na página da matriz da Volkswagen, mas, curiosamente, não na da VW brasileira. Só na da Ford. Talvez por isso Di Si tenha dito aos jornalistas argentinos para perguntar à Ford sobre o futuro das picapes, já que "até o momento, na Argentina, nenhum dos novos projetos tenha sido definido. Nenhum", disse o executivo. Eles poderiam perguntar também a Herbert Diesse, CEO do grupo Volkswagen, que certamente aprovou o texto acima.

Talvez Di Si realmente não tenha nenhuma definição sobre o que acontecerá até 2022, mas o chefe dele diz que a Ford fará picapes médias para ambas as empresas. Ou houve uma tremenda falha de comunicação na marca alemã ou o executivo argentino tem receio do que esse anúncio poderá representar para as vendas atuais da Amarok, que já não são nenhuma maravilha. Qualquer que seja a hipótese correta, é muito pouco provável que a Amarok continue intocada apenas na América do Sul. A resposta a nossa pensata, portanto, parece já existir: a segunda geração da Amarok será Ford. Como a picape Mercedes-Benz e Renault é Nissan, o que mostra que esse tipo de parceria é bastante comum. Resta saber como a Volkswagen diferenciará seu produto da Ranger, algo que Di Si provavelmente será um dos primeiros a anunciar. Quando puder.

Compartilhar
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Saiba agora quanto vale seu carro novo ou usado

Picape
SUV/Crossover
Sedã
Hatchback
SW/Perua
Van/Minivan
Cupê
Conversível
Luxo
Hibrido/Elétrico
PUBLICIDADE

Encontre o Preço do Seu Carro